Home / César Magalhães / Não crie um Blog se você não sabe português

Não crie um Blog se você não sabe português

Por: Marcos Lemos Marcos Lemos, professor e blogueiro. Formado em Teologia pela PUC-MG, graduando em Letras (Português/Inglês) pela FUNEDI/UEMG. Criador do [ Ferramentas Blog ] e tem se destacado como metablogger.

Infelizmente temos que tocar em alguns assuntos delicados, mas que não podemos ignorar. Defendo o direito de todos criarem blogs, sobre o que quiserem e como quiserem para se expressar livremente, mas é preciso ter um mínimo de conhecimento antes de enveredar-se na web e expor sua opinião, escrever e publicar. Meu dilema é: se não sabe usar bem a língua escrita, como quer publicar um blog?

Há sempre um debate sobre o uso da língua formal, normativa, e a língua coloquial, cotidiana e falada. Enquanto uma é regida por regras gramaticais fixas, outra não pode ser limitada por ser a expressão da manifestação de uma cultura ou grupo social. Não discuto essas questões da linguística (que ainda estou aprendendo na faculdade de Letras). Meu pensamento é: Se não sabe escrever bem em português, não pode ter um blog.

Os dados do contato foram apagados propositadamente.

Perceba a minha indignação. Não é questão de alguém que erra algumas palavras ou não domina todas as regras gramaticais e comete “erros” comuns. Trata-se de um caso onde a pessoa não domina nada da língua escrita. Sei que esse é um extremo (mas recebo dezenas desses semanalmente), que serve para ilustrar a importância de saber se comunicar usando a língua escrita.

Para escrever em um blog, mandar um SMS, um Tweet, conversar no MSN, na sala de bate-papo, escrever um bilhete, fazer uma prova de vestibular, concurso, tentar uma vaga de emprego etc… tem que saber o mínimo da norma culta da língua portuguesa. Isso é o mínimo para se comunicar de forma eficiente e as pessoas entenderem o que você deseja expressar.

Tenho vários artigos  orientando sobre a importância de se escrever bem para ter um blog de qualidade. Um blog é feito basicamente de conteúdo escrito, texto, e sem isso é impossível que um blog dê resultado, tenha visitas e seja considerado. Sinto muito, mas, se você não sabe escrever, não pode ter um blog. Por isso é que vemos tanto plágio, roubo de conteúdo e duplicação: quem não sabe escrever por si mesmo só vai repetir e reproduzir o que outros disseram. Quem não sabe escrever bem, não sabe pensar por si mesmo.

Fica o recado: quer ser livre, pensar como quer, falar o que quer e ser ouvido, levado a sério e ocupar seu espaço? Aprenda a dominar sua língua! Até lá, não tenha um blog.

P.S.: Fui radical, mas é porque acredito que só pela educação as pessoas podem adquirir sua cidadania e liberdade plena.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*