Home / Famosos / Dj Gata exibe corpo escultural e dispara: “Malhação, surf e muita massagem”‏

Dj Gata exibe corpo escultural e dispara: “Malhação, surf e muita massagem”‏

Além do sucesso nas carrapetas,a dj gata Rapha Andrade chama atenção pelo corpo escultural. mas para isso a gata revela que nada chega de graça…Muita malhação surf e massagem!

clear

"Além de toda a atividade física, sou adepta da massagem modeladora com manta térmica e endermo.Antes da  
massagem , sempre passo por uma sessão  de manta térmica, que esquenta a região a ser trabalhada, o que
 facilita o amolecimento da gordura. Daí a fica melhor na hora de receber a massagem modeladora que amolece 
a gordura que está dentro das células, fazendo com que ela seja eliminada pela urina e suor.Pra fechar com 
chave  de ouro, faço sessões de endermologia, que é uma massagem com aparelho ótima para drenagem 
dos liquidos",.

  
Sobre a dj gata:
Após um tempo vivendo na Califórnia, ela voltou ao Rio em 2013 com o melhor do Hip Hop e R&B na mala. Desembarcou diretamente no Rio de Janeiro e logo já estava em ação nas melhores festas da zona sul. Adepta da técnica do vinil, DJ da nova geração, a carioca, Rapha Andrade se destaca no cenário Black do Rio de Janeiro. ADiva, como é apelidada pelos amigos, com sua beleza e personalidade contagia todo o público em suas apresentações versáteis. Com um felling apurado, ela tem muita aceitação pelo público feminino, por tocar sons de leves feitos para dançar.  Em seu set list podem estar desde o black gringo lançamento, os hits hip hop mais badalados ate clássicos do rap nacional. O que faz o público sorrir, esse é o som da DJ Rapha Andrade.

“Tudo começou com uma festa lá em casa. Uns amigos, que já tocavam, foram animar nossa festa e acabaram deixando os equipamentos lá. A partir daí o interesse de aprender a tocar despertou e comecei a mexer sozinha. E foi assim, aprendi na prática e sozinha. Quando vi, meu irmão já estava fechando para eu tocar na primeira edição de uma festa super conceituada, no Vidigal. Meu interesse pelo Hip Hop começou quando estava de “molho” lá na Califórnia. Fui para lá jogar futebol, mas acabei me machucando e passei grande parte do tempo fazendo fisioterapia. Nesse tempo ocioso, ficava escutando uma rádio de lá que só tocava Hip Hop.” Contou Rapha.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

%d blogueiros gostam disto: